O Programa de Pós Graduação em Ciência da Computação tem a honra de convidar toda a comunidade acadêmica para participar da defesa de  Dissertação de Mestrado abaixo relacionada:

 

DEFESA DE MESTRADO:
 
1) Aluno: André Avelino da Silva Neto

Matrícula: 201720070015
Titulo: "Considerações de Usabilidade para Sistemas Eleitorais Resistentes à Coerção"
.  

Orientador: Prof. Dr.Roberto Samarone dos Santos Araujo 

Co-Orientador: Prof. Dr. Nelson Cruz Sampaio Neto

Data: 21/01/2019

Hora: 10h00 

Local: Sala FC-02 do Instituto de Ciências Exatas e Naturais.

Banca Examinadora:

  1. Prof. Dr. Roberto Samarone dos Santos Araujo - Orientador (PPGCC/UFPA)
  2. Prof. Dr. Nelson Cruz Sampaio Neto - Co-Orientador (PPGCC/UFPA)
  3. Profa. Dra. Marcelle Pereira Mota - Membro Interno (PPGCC/UFPA)
  4. Profa. Dra. Jasmine Priscyla Leite de Araujo - Membro Externo (ITEC/UFPA)

RESUMO

Eleições via Internet oferecem mais comodidade aos eleitores, possibilitando-os votar de qualquer lugar conectado a grande rede mundial. No entanto, devido a inexistência de um ambiente controlado, estas eleições podem potencializar ataques coercivos. Nestes ataques, opressores (adversários) podem facilmente influenciar eleitores na escolha de seus candidatos. Embora não exista uma solução ótima para esse problema, modernos sistemas para eleições via Internet possuem meios para mitigá-lo e são denominados resistentes à coerção. De forma a resistirem a ataques coercivos, tais sistemas dependem fortemente da participação direta do eleitor. Essa dependência pode resultar em ineficácia caso o usuário encontre dificuldades para utilizar os mecanismos de resistência à coerção. Diante disso, o presente trabalho objetiva investigar problemas de usabilidade relacionados a interação entre eleitor e sistemas resistentes à coerção. Para isso, um destes sistemas foi utilizado como estudo de caso, no qual uma série de testes de usabilidade foi executada. O sistema foi alterado três vezes, visando encontrar problemas que pudessem ser generalizados a outros sistemas eleitorais que ofereçam resistência à coerção. Como resultado, o trabalho propõe uma série de considerações de usabilidade, que discutem os principais problemas encontrados e indicam possíveis soluções que podem ser adotadas. Tais considerações pretendem auxiliar no design de interface e interação de sistemas resistentes à coerção práticos e capazes de equilibrar requisitos de segurança e usabilidade.

Palavras-Chave: Segurança da Informação; Sistemas para eleição via Internet; Avaliação de Usabilidade; Usabilidade.