1. Disciplinas obrigatórias para todas as Áreas de Concentração (4 créditos, 60 horas)

 

Metodologia Científica (2 créditos, 30 horas)

Ementa: Noções de metodologia científica. Referencial teórico da pesquisa cientifica. Conceitos e técnicas para a preparação de projetos de pesquisa: introdução, objetivos, metodologia, justificativa, resultados esperados, estado da arte, desenvolvimento, experimentos, conclusões. Conceitos e técnicas para proceder à revisão bibliográfica e escrita de artigos científicos.

Bibliografia:

  • Raul Sidnei Wazlawick. Metodologia de Pesquisa para Ciência da Computação. Rio de Janeiro: Elsevier, 2008.
  • Antônio Joaquim Severino. Metodologia do trabalho científico. São Paulo: Cortez, ed. 23a. 2007.
  • Elisabete Matallo M. de Pádua. Metodologia da pesquisa: abordagem teórico-prática. Campinas- SP: Papirus, 2004.
  • Justin Zobel. Writing for Computer Science. New York: Springer-Verlag, 2004.

 

Projeto e Análise de Algoritmos (4 créditos, 60 horas)

Ementa: Conceitos básicos. Crescimento de funções. Recorrências. Ordenação. Problemas NP-Completos. Programação dinâmica. Algoritmos gulosos. Algoritmos em grafos. Noções de recuperação da informação. Casamento de padrões. Compressão de dados.

Bibliografia:

  • Introduction to Algorithms by Thomas H. Cormen, Charles E. Leiserson, Ronald L. Rivest and Clifford Stein. The MIT Press; third edition edition (July 31, 2009).
  • Ziviani, N. Projeto de Algoritmos com Implementações em Java e C++. São Paulo: Thompson, 2007.
  • Udi Manber, Introduction to Algorithms: A Creative Approach, Addison-Wesley, 1 edition (January 11, 1989).
  • Szwarcfiter, Jayme L. Grafos e Algoritmos Computacionais. Campus. Rio de Janeiro, 1984.

 

Teoria da Computação (4 créditos, 60 horas)

Ementa: Autômatos finitos. Linguagens livres de contexto. Máquinas de Tuning. Tese de Church. Não-computabilidade.

 Bibliografia:

  • Sipser, Michael. Introdução à Teoria da Computação. 2. ed. São Paulo: Cengage Learning – Pioneira, 2007. 488 p.
  • Menezes, Paulo Blauth. Linguagens Formais e Autômatos. Porto Alegre: Editora Sagra-Luzzato, 2005. 232p.
  • Diverio, Tiaraju Asmuz; Menezes, Paulo Blauth. Teoria da Computação: Máquinas Universais e Computabilidade. Porto Alegre: Sagra-Luzatto, 1999.

 

2. Disciplinas optativas

 

Área de Concentração: Sistemas de Informação

 

Linha de Pesquisa – Gestão da Informação

 

Mineração de Dados (4 créditos, 60 horas)

Ementa: Introdução e aplicações de mineração de dados. Processo de descoberta de conhecimento em bases de dados. Pré-processamento de dados. Técnicas de mineração de dados para as tarefas de extracaro de regras de associação, agrupamento (clustering), classificação e regressão. Uso de ferramentas de mineração de dados. Tópicos atuais de pesquisa em mineração de dados.

Bibliografia:

  • P. Tan, M. Steinbach, and V. Kumar. Introduction to Data Mining. Addison Wesley, 2006.
  • J. Han and M. Kamber. Data Mining: Concepts and Techniques. Morgan Kaufmann, 2nd Edition, 2007.
  • I. Witten and E. Frank. Data Mining. Morgan Kauffmann, 2nd edition, 2007.
  • D. Ballard. Introduction to Natural Computation. MIT Press, March, 1997.

 

Projeto e Avaliação de Sistemas Interativos (4 créditos, 60 horas)

Ementa: As aulas introduzirão os alunos na área de Interface Humano-Computador (IHC) e projeto de interface de usuários. Os tópicos a serem ministrados incluem: características fundamentais da cognição humana, tais como: tempo de reação, regras de percepção, e desempenho da memória. Modelos de interação entre pessoas e seus ambientes, simbologia, mapeamentos e restrições. Uma introdução sobre o histórico de tecnologias interativas. Projeto iterativo, técnicas de prototipação de interfaces. Métodos de avaliação e estudos com usuários.

Bibliografia:

  • Rogers, Y.; Sharp, H.; Preece, J. (2011) Interaction Design: Beyond Human-Computer Interaction  3rd Edition, John Wiley & Sons, Inc, 2011.
  • Shneiderman, B.; Plaisant, C. (2009) Designing the User Interface: Strategies for Effective Human-Computer Interaction (5th Edition, pp. 672, March 2009), Reading, MA: Addison-Wesley Publishing Co.
  • Mackenzie, I. S. (2012) Human-Computer Interaction: An Empirical Research Perspective. Morgan Kaufmann; 1 edition (December 31, 2012).
  • de Souza, C.S. (2005) The Semiotic Engineering of Human-Computer Interaction. Cambridge, MA. The MIT Press.
  • Barbosa, S.D.J.; Silva, B.S. (2010) Interação Humano-Computador. Série SBC, Editora Campus-Elsevier.

 

Sistemas de Informação para Desenvolvimento Sustentável (4 créditos, 60 horas)

Ementa: Teoria geral dos sistemas e cibernética. Homeostasia dos sistemas e o conceito de feedback, qualidade de vida e ambiente sustentável. As diferentes dimensões do desenvolvimento sustentável. Técnicas estatísticas e computacionais para a geração de indicadores de desempenho. Engenharia do conhecimento e sistemas de informação. Soluções de sistemas de informação para desenvolvimento sustentável. Estudos de casos. As aulas permitirão aos alunos conduzir experimentos e projetos de interfaces de usuários aplicando os conceitos teóricos aprendidos.

Bibliografia:

  • Atkinson, G., S. Dietz, E. Neumayer. Handbook of Sustainable Development. Edward Elgar Publishing, 2009.
  • Baltzan, Paige. Sistemas de Informação. Ed. Mcgraw Hill - ARTMED, 2012.
  • Bateson, Gregory. Cybernetics & Human Knowing: Gregory Bateson Essays for an Ecology of Ideas. Ed. Taunton Press, 2005.
  • Jonathan Harris, Timothy Wise, Kevin Gallagher, Neva R. Goodwin, Amartya Sen. A Survey of Sustainable Development: Social And Economic Dimensions (Frontier Issues in Economic Thought). Island Press; 1 edition (March 1, 2001).
  • Johnson, R. A.; Wichern, D. W. Applied multivariate statistical analysis. edition [S.l.]: Prentice Hall, 2001.

 

Visualização Computacional (4 créditos, 60 horas)

Ementa: Visualização da informação é uma área de pesquisa que enfoca o uso de técnicas de visualização para ajudar as pessoas a compreender e analisar dados. Enquanto áreas como visualização científica envolvem a apresentação de dados que tenham alguma correspondência física ou geométrica, visualização de informação se concentra em dados abstratos sem tais correspondências. Os objetivos do curso são: aprender os princípios envolvidos na visualização de informação. Conhecer uma variedade de técnicas e sistemas existentes na visualização de informação. Desenvolver habilidades em criticar diferentes técnicas de visualização e sua aplicação a determinadas tarefas. Aprender a avaliar sistemas de visualização.

Bibliografia:

  • Now You See It: Simple Visualization Techniques for Quantitative Analysis. Stephen Few. Analytics Press. 2009.
  • Interactive Data Visualization: Foundations, Techniques, and Applications. Matthew Ward, Georges Grinstein, Daniel Keim. A. K. Peters, 2011.
  • Information Visualization: Design for Interaction (2nd Edition). Robert Spence, Prentice Hall, 2007.

Outras fontes recomendadas:

  • Envisioning Information. Edward Tufte, Graphics Press, 1990.
  • Information Visualization: Perception for Design, 2nd ed. Colin Ware, Morgan Kaufmann, 2004.
  • Artigos da ACM e IEEE sobre Visualização de Informação.

 

Linha de Pesquisa – Engenharia de Software

 

Engenharia de Software (4 créditos, 60 horas)

Ementa: Introdução a software e engenharia de software. Princípios da engenharia de software. Qualidades esperadas em engenharia de software. Ciclos de vida em desenvolvimento de software. Processos de desenvolvimento de software: tradicionais e ágeis. Qualidade de produto e qualidade de processo. Modelos de qualidade de processo. Medição e análise de projetos de software. Engenharia de requisitos: requisitos funcionais e não-funcionais. Gerência de requisitos. Garantia da qualidade de software. Verificação e validação de software. Teste de software. Evolução em software. Sistemas legados, manutenção e re-engenharia. Introdução à engenharia de software experimental.

 Bibliografia:

  • Sommerville, I. Software Engineering, Addison-Wesley, Readings, 1995.
  • Pressman, Roger. Engenharia de Software. Ed. Makron Books, 1995, 1056p.
  • Humphrey, Watts S. A Discipline for Software Engineering. Ed. Addison Wesley, 1995, 789p.
  • Braude, E. Projeto de Software: Da Programação à arquitetura: uma abordagem baseada em Java, Bookman, 2005.
  • Larman, C. Utilizando UML e Padrões - Uma Introdução à Análise e ao Projeto Orientados a Objetos, Bookman, 2003.

 

Engenharia de Software Colaborativa (4 créditos, 60 horas)

Ementa: Organizações de desenvolvimento de software distribuído também estão recebendo a atenção de pesquisadores interessados ​​em comunicação, colaboração e coordenação em distâncias. Criando confiança, consciência, compreensão compartilhada, e muitos outros itens essenciais do trabalho em equipe geralmente depende de interação face a face. Criar mecanismos eficazes para apoiar equipes distribuídas exige uma profunda compreensão de como os indivíduos se juntam para formar equipes e organizações. Este curso abrange um conjunto de temas que são essenciais para os profissionais que se tornarão participantes e líderes em projetos globalmente distribuídos, bem como pesquisadores interessados ​​em estudar equipes virtuais, organizações distribuídas, e desenvolvimento de software global. Tópicos do curso: Equipes virtuais e organizações distribuídas. Arquiteturas colaborativas para o desenvolvimento de software. Ambientes de desenvolvimento distribuídos. Lições de código aberto. A relação de terceirização. Redes sociais e redes de conhecimento. Comunicação considerando fatores culturais.

Bibliografia:

  • Ivan Mistrík, John Grundy, André van der Hoek and Jim Whitehead. Collaborative Software Engineering. Springer; 2010 edition (March 11, 2010).
  • Raghvinder Sangwan, Matthew Bass, Neel Mullick and Daniel J. Paulish. Global Software Development Handbook (Applied Software Engineering Series). Auerbach Publications (September 29, 2006).
  • Dale Walter Karolak. Global Software Development: Managing Virtual Teams and Environments. January 1999, Wiley-IEEE Computer Society Press.

 

Qualidade de Software (4 créditos, 60 horas)

Ementa: Conceitos de qualidade. Conceitos de qualidade do processo e do produto de software. Modelos de qualidade. Modelos de gestão de projeto. Implantação de modelos de qualidade. Verificação de software. Validação de software.

Bibliografia:

  • Thelma C. dos Santos Chiossi, Mario Lúcio Côrtes. Modelos de Qualidade de Software. Editora UNICAMP, 2001.
  • Mary Beth Chrissis, Mike Konrad, Sandra Shrum. CMMI - Guidelines for Process Integration and Product Improvement. Addison-Wesley Professional; 3 edition (March 20, 2011).
  • Ana Regina Cavalcanti da Rocha, José Carlos Maldonado, Kival Chaves Weber. Qualidade de Software - Teoria e Prática. Prentice Hall, 2001.
  • G. Gordon Schulmeyer. Handbook of Software Quality Assurance. Artech House Publishers; 4 edition (September 30, 2007).

 

Tecnologia de Processos de Software (4 créditos, 60 horas)

Ementa: Modelagem e execução de processos de software. Modelagem de processos visando melhoria de maturidade em organizações. Estudo de paradigmas de modelagem e execução de processos. Modelagem de processo de desenvolvimento integrado considerando modelos de maturidade.

Bibliografia:

  • Pankaj K. Garg, Mehdi Jazayeri. Process-Centered Software Engineering Environments. Institute of Electrical & Electronics Enginee (October 1995). 409p.
  • Ian Graham, Brian Henderson-Sellers, Houman Younessi. The OPEN Process Specification. Addison-Wesley Professional; 1 edition (September, 1997).
  • Ivar Jacobson, Grady Booch, James Rumbaugh. The Unified Software Development Process. Addison-Wesley Professional; 1 edition (February, 1999).

 

Área de Concentração: Sistemas de Computação

 

Linha de Pesquisa - Redes de Comunicação

 

Avaliação de Desempenho de Redes (4 créditos, 60 horas)

Ementa: Introdução aos modelos analíticos de desempenho. Revisão dos pré-requisitos matemáticos e Teoria de Filas. Modelagem analítica de redes de filas. Métodos de análise aproximadas de redes de filas. Teorema de Kleinrock. Fluxos. Planejamento de capacidade de sistemas computacionais. Laboratório de Simulação.

Bibliografia:

  • Bertsekas D., Gallager R. Data Networks. 2a Edição, Prentice-Hall. 1992.
  • Alberto Leon-Garcia, Indra Widjaja. Communication Networks. McGraw-Hill Science/Engineering/Math; 2 edition (July 16, 2003).
  • Kishor S. Trivedi. Probability & Statistics with Reliability, Queuing, and Computer Science Applications. 2nd Edition, Wiley. November 2001.
  • William Stallings. Data and Computer Communications. Prentice Hall; 10 edition (September 23, 2013).
  • Fishwick, P. Simulation Model Design and Execution: Building Digital Worlds. Prentice Hall; 1 edition (January 27, 1995).

 

Novas Tecnologias para Internet do Futuro (4 créditos, 60 horas)

Ementa: Histórico e revisão de conceitos importantes. Modelos e desafios relacionados à internet do futuro. Novas propostas de arquiteturas de internet (lousa-limpa e evolucionarias). Redes definidas por software. Virtualização. Frameworks de apoio à pesquisa experimental. Requisitos para construção de ambientes para experimentos e virtualização de redes; Pesquisa experimental em internet do futuro.

Bibliografia:

  • Siamak Azodolmolky. Software Defined Networking with OpenFlow. Packt Publishing (October 25, 2013).
  • John Day. Patterns in Network Architecture: A Return to Fundamentals. Prentice Hall; 1 edition (January 6, 2008).
  • Ning Wang. Recent Advances in Providing QoS and Reliability in the Future Internet Backbone. Nova Science Publishers Inc (26 Aug 2011).
  • RFCs e artigos diversos.

 

Redes de Computadores (4 créditos, 60 horas)

Ementa: Introdução e conceitos básicos. Camada de aplicação: serviços, funcionalidades da camada e os principais protocolos de aplicação da Internet (http, ftp, smtp, dns). Camada de Transporte: Serviços funcionalidades da camada e os protocolos de transporte da Internet (UDP e TCP). Camada de Rede: Serviços funcionalidades da camada e o protocolo IP. Camada de enlace e as principais tecnologias de redes locais e metropolitanas.

Bibliografia:

  • Kurose & Rossi. Computer Networking: A Top-Down Approach Featuring the Internet. 5ª  edição. 2009.
  • Tanenbaum, A. Computer Network. 5ª edição. Prentice Hall, 2010.
  • Comer, D. Internetworking with TCP/IP. 5ª edição. Prentice Hall, 2005.
  • RFCs e artigos diversos.

 

Serviços e Plataformas para Cidades Inteligentes (4 créditos, 60 horas)

Ementa: Introdução a redes de computadores: aplicações, serviços e protocolos. Sistemas multimídia: distribuição de vídeos em cidades inteligentes. Redes de sensores: aplicações, serviços, protocolos e eficiência energética para cidades inteligentes. Redes baseadas em software: openflow, modelo baseado em componentes. Tecnologias, plataformas e serviços para cidades inteligentes. Avaliação de desempenho: simulação e experimentação.

Bibliografia:

  • Anthony M. Townsend. Smart Cities: Big Data, Civic Hackers, and the Quest for a New Utopia. W. W. Norton & Company; 1 edition, October 7, 2013.
  • Vivek Kumar, Pankaj Kumar, Tarsem Kumar. 5G: Insight into future: Next Generation 5G mobile wireless technology. LAP LAMBERT Academic Publishing, May 13, 2012.

Artigos científicos na área:

  • Paolo Neirotti, Alberto De Marco, Anna Cagliano, Giulio Mangano, Francesco Scorrano. Current trends in Smart City initiatives: Some stylised facts. CitiesVolume 38, June 2014, Pages 25–36.
  • Jungwoo Lee, Hyejung Lee. Developing and validating a citizen-centric typology for smart city services. Government Information Quarterly. Available online 2 May 2014.
  • Anna Kramers, Mattias Höjer, Nina Lövehagen, Josefin Wangel. Smart sustainable cities – Exploring ICT solutions for reduced energy use in cities. Environmental Modelling & Software. Volume 56, June 2014, Pages 52–62.

 

Sistemas Computacionais Paralelos e Distribuídos (4 créditos, 60 horas)

Ementa: Arquitetura de sistemas distribuídos, modelos e classificação. Caracterização da comunicação de processos. Algoritmos distribuídos. Componentes de negócio em aplicação distribuída. Arquiteturas orientadas a serviços. Introdução à programação paralela. Modelos de arquiteturas paralelas. Medidas de desempenho das aplicações paralelas. Complexidade de programas paralelos. Exploração do paralelismo em programas: implícita e explícita. Paradigmas de programação paralela: trocas de mensagens e memória compartilhada. Escrita de programas paralelos.

Bibliografia:

  • B. Wilkinson and M. Allen, Parallel Programming: Techniques and Applications Using Networked Workstations and Parallel Computers, Prentice Hall, 2nd Edition, 2004.
  • A. Grama, G. Karypis, V. Kuma, A. Gupta. Introduction to Parallel Computing. 2rd Edition, Addison-Wesley. 2003.
  • G. Couloris, J. Dollimore, T. Kindberg, Distributed Systems: Concepts and Design, 5rd Edition, Addison-Wesley, 2011.
  • Andrew S. Tanenbaum e Maarten Van Steen. Sistemas Distribuídos: princípios e paradigmas. 5a Edição, Pearson. 2007

 

Tecnologia de Redes de Acesso (4 créditos, 60 horas)

Ementa: Introdução às redes de acesso. Redes de acesso cabeadas: Redes xDSL. Redes PLC. Redes de acesso por fibra óptica. Cabo coaxial. Redes híbridas com fibra óptica (FFTx, HFC). Redes de acesso sem fio: Wireless LAN. Sistema móvel celular (UMTS/LTE). Redes de acesso por satélite. Redes híbridas fibra-rádio (RoF) e fibra-wireless (FiWi).

Bibliografia:

  • Paul France. Local Access Network Technologies (Telecommunications). Published by Institution of Engineering and Technology, 2003.
  • Adalton P. Toledo . Rede de acesso em Telecomunicações. Makron Books, 2001.
  • Matthew N. O. Sadiku. Optical and wireless communications. CRC Press, 2002
  • Artigos de revistas científicas da área.
  • Normas técnicas.

 

Linha de Pesquisa – Inteligência Computacional

 

Computação Evolutiva (4 créditos, 60 horas)

Ementa: Introdução à computação evolutiva. Evolução por seleção natural. Conceitos básicos e componentes de algoritmos evolutivos. Algoritmos genéticos. Estratégias evolutivas. Programação evolucionária. Programação genética. Sistemas classificadores. Algoritmos híbridos. Tratamento de restrições. Otimização multiobjetivo com algoritmos evolutivos.

Bibliografia:

  • A.E. Eiben, J.E. Smith. Introduction to Evolutionary Computing. Springer. 2008. ISBN: 3540401849.
  • D.B. Fogel. Evolutionary Computation: Toward a New Philosophy of Machine Intelligence. 3a Edição. Wiley-IEEE Press. 2005. ISBN: 471669512.

 

Computação Gráfica e Processamento de Imagem (4 créditos, 60 horas)

Ementa: O curso apresenta ênfase nas áreas de síntese de imagens e processamento de imagens. Na área de síntese serão apresentados conteúdos referentes às transformações geométricas em duas e três dimensões; coordenadas homogêneas e matrizes de transformação, projeções, modelos de câmera, e definição de objetos e cenas tridimensionais. Inclui-se também o Processo de Rendering: fontes de luz; remoção de linhas e superfícies ocultas; modelos de iluminação e de tonalização (shading): Flat, Gouraud e Phong. A área de processamento de imagem abordará os principais fundamentos de processamento digital de imagens, captação e formação, amostragem e quantização, técnicas de melhoramento, segmentação, representação e descrição de imagens. Além de compressão e classificação de imagens.

Bibliografia:

  • Pratt, William K. Introduction to Digital Image Processing. CRC PRESS. 2014.
  • Theoharis, T.; Papaioannou, G.; Platis, N.; Patrikalakis, M. Graphics and Visualization: Principles & Algorithms. A K Peters/CRC Press, 2007.
  • Shirley,P.; Marschner, S. Fundamentals of Computer Graphics. CRC Press, 2009.
  • Gonzalez, Rafael C. e Woods, Richard E., Digital Image Processing, 3o ed, 2008, Addison Wesley.
  • Gomes, J.; Velho, L. Computação Gráfica: Imagem. São Paulo : IMPA, 1994.
  • Parker, R. J. Algorithms for Image Processing and Computer Vision. Wiley, 2010. 

 

Inteligência Computacional (4 créditos, 60 horas)

Ementa: Introdução e paradigmas da inteligência computacional. Conceitos básicos de redes neurais artificiais. Neurônio artificial. Perceptrons e Perceptrons múltiplas camadas. Treinamento e Generalização de Redes Neurais Artificiais. Conjuntos Nebulosos: Conceitos Básicos e Operações. Lógica Nebulosa. Sistemas Nebulosos Adaptativos. Computação baseada em interações sociais. Inteligência coletiva. Aplicações.

Bibliografia:

  • Andries P. Engelbrecht. Computational Intelligence: An Introduction. 2a Edição. Wiley. 2007.
  • Simon O. Haykin. Neural Networks and Learning Machines. 3a Edição. Prentice Hall. 2008.
  • Jyh-Shing Roger JangChuen-Tsai SunEiji Mizutani. Neuro-Fuzzy and Soft Computing: A Computational Approach to Learning and Machine Intelligence. Prentice Hall. Prentice Hall; 1 edition (September 26, 1997).

 

Otimização Linear e Inteira (4 créditos, 60 horas)

Ementa: Programação linear: métodos simplex primal e dual, dualidade, análise de sensibilidade, geração de colunas, métodos de decomposição de Dantzig-Wolfe. Programação inteira: modelagem, métodos de solução, planos de corte, enumeração implícita, geração de colunas em programação inteira. Programação Dinâmica. Problemas básicos de otimização em redes: árvore geradora mínima, caminho mínimo, transporte, atribuição, fluxo de custo mínimo e fluxo máximo.

Bibliografia:

  • L.A. WOLSEY. Integer Programming. 1a Edição. Wiley-Interscience.1998.
  • N. Maculan e M. Fampa. Otimização Linear. Editora da Universidade de Brasília (UnB), 2006.

 

Tópicos Especiais em Computação (4 créditos, 60 horas)

Ementa: Ementa variável. Disciplinas ofertadas anualmente com autorização do colegiado.

Bibliografia variável.